sábado, 25 de dezembro de 2010

Perversidade De Natal



Todos os anos, por altura das festas, os piratas rodoviários exibem a sua força pelas estradas.

Que masoquismo é este, que leva um homem a passar os frios dias de Natal na berma da estrada? Não seria melhor passá-los junto da família, num dos poucos dias do ano em que se reúne?

Que sadismo é este, que leva um homem a perseguir, ameaçar e extorquir os seus compatriotas, num dia do ano que é tradicionalmente consagrado à paz, ao perdão e à humildade?

Gente miserável, em todos os sentidos da palavra.