quinta-feira, 22 de novembro de 2012

Heil iSSraHell !

Rui Teixeira Neves, no Facebook, a resumir muito bem os factos teológicos, históricos, e políticos da questão palestiniana:

"O sionismo é um neo-nazismo que justifica que um pretenso povo eleito (Herrenvolk ) limpe étnicamente de subhomens (Untermenschen) palestinianos goyim, o seu pretenso espaço vital, o Eretz Israel (o Lebensraum nazionista). Nazismo puro perante o qual o colaboracionismo de muitos na Europa é moralmente repugnante e suicida, porque aumenta exponencialmente o risco de guerra catastrófica. Não se pode ser democrata e europeu sem se ser anti-sionista. Limpezas étnicas e apartheids são de todo inaceitáveis e irrecicláveis. A decadente Europa precisa, antes de mais, de valores, de ética. E esta é a questão mais importante, onde esses valores ou a sua ausência são demonstrados."

A vermelho os conceitos judeus-sionistas. A negrito os conceitos nazis. Quem conseguir que os diferencie!