quinta-feira, 24 de setembro de 2015

Elogio da Guerra

A guerra tem má fama, pelo soffrimento e pela destruição que traz comsigo. Mas na verdade, a guerra é um bem.

O Demonio existe, e produz a sua obra na terra. Existem sempre forças de aggressão, de violencia, de maldade, de destruição, de crime. O peccado é uma constante da vida social.

A guerra é precisamente a opposição a estas forças nocivas. A guerra é a lucta entre o Bem e o Mal. A guerra é uma necessidade, um direito, e um dever.

Onde não ha guerra, ha paz. Mas é uma paz podre. É o triumpho do Mal. É o massacre, a submissão, e a destruição dos innocentes, sem opposição. A paz é a derrota do Bem.

Mais vale desapparecer a luctar do que deixar-se destruir sem resposta. Com todas as consequencias terriveis que isto implica, nesta era de technologias satanicas.

Viva a Morte!